Macarrão sem maldade

Saulo Yassuda

O macarrão com molho de tomate, prato dito como “muito italiano” no cinema, enche muitas bocas de água. Quem não teve vontade de comer o suculento e fumegante prato da massa em Feios, Sujos e Malvados (1976), de Ettore Scola? Um belíssimo macarrão com muito molho por cima faz o espectador salivar. Tudo bem que um dos pratos era envenenado, mas…

O repórter confessa que teve vontade de mergulhar na panela de macarrão que Macunaíma, em cena marcante do filme homônimo de 1969, dirigido por Joaquim Pedro de Andrade, joga seu arquinimigo Venceslau Pietro Pietra. Tudo parece muito perigoso e saboroso. Se a massa estivesse um pouquinho menos quente, a aventura seria uma boa.

Mas, sem tragédias, o Cinéfilos traz uma receita de macarrão muito fácil de fazer. O molho não passa horas apurando, igual àquele molho de vovó. É bem fácil fazer: é só colocar todos os ingredientes na panela de pressão e esperar uns minutinhos que está pronto; vamos lá: para fazer o Macarrão de Panela de Pressão, você vai precisar de:

  • 1 cebola picada
  • 4 colheres (sopa) de óleo.
  • 500g de patinho moído
  • 1 lata de molho de tomate temperado
  • 1 lata de creme de leite
  • 1 pacote (500g) de macarrão (gravatinha ou parafuso)
  • 500ml de água

Para fazer é simples: esquente o óleo na panela de pressão, refogue nele a cebola até ela murchar e acrescente a carne moída. Quando a carne estiver cozida, junte o restante dos ingredientes. Feche a panela e, quando o pino começar a fazer barulho, diminua o fogo e deixe cozinhar por três minutos. Apague o fogo e espere a pressão da panela diminuir. Quando, ao mexer o pino, ele não soltar mais ar, a massa está pronta.

Fica gostoso se você colocar bastante queijo ralado por cima e esquentar um pouco no microonda. Fica ainda melhor se você gratinar no forno convencional.

Pronto. Você come tudo e volta à sua maratona de filmes. Ou algo assim.

Comentários