Mais ação da dupla Neeson/Collet-Serra

 por Maria Beatriz Barros
mabi.barros.s@gmail.com

Noite Sem Fim (Run All Night, 2015), filme que chegará aos cinemas no Brasil dia 30 de abril, é o segundo da cooperação entre o diretor Jaume Collet-Serra e o ator Liam Neeson. Assim como Sem Escalas (Non-Stop, 2014), a produção americana é um misto de ação, drama e terror a um estilo próprio, mais elegante que a maioria dos longas do gênero.

Apesar de ser um filme longo, com quase duas horas, o enredo é bastante dinâmico e fácil de acompanhar. A trama gira entorno de Jimmy Conlon (Liam Neeson), matador profissional aposentado que vem sendo assombrado pelos assassinatos cometidos por ele no passado. Apelidado de “coveiro”, o protagonista trabalhou para Shawn Maguire, chefe do que restou da máfia irlandesa em Nova York, de quem era muito próximo. Porém, a amizade é colocada de lado quando Conlon mata o filho de Maguire, Danny, para salvar a vida de seu próprio filho, Mike. O mafioso, então, usará todos os seus recursos para fazer seu antigo amigo pagar pelo que fez, e este, por sua vez, correrá a noite toda para tentar salvar a vida de Mike, com quem não tinha contato há muitos anos.

RUN ALL NIGHT

O personagem de Neeson é um tanto quanto intrigante, pois é quase como a mistura de outras interpretações do ator. Assim como Bryan Mills, da série Busca Implacável (Taken, 2008), Jimmy Conlon não mede esforços para proteger sua família, e tem um dom peculiar para fugir de cercos da polícia. O “coveiro” também herdou o alcoolismo de Bill Marks, de Sem Escalas, e, como ele, viu sua carreira decair em queda livre.

Vale ressaltar o alto nível das atuações em Noite Sem Fim. A estrela, claro, foi Liam Neeson, provavelmente o melhor ator de ação dos últimos tempos. Contudo, não podemos deixar de notar o ótimo trabalho de Ed Harris (Shawn Maguire) como vilão do filme. O ator já foi indicado quatro vezes ao Oscar: como melhor ator do filme Pollock (Pollock, 2000), e como ator coadjuvante do Show De Truman (The Truman Show, 1998), Apollo 13 – Do Desastre ao Triunfo (Apollo 13, 1995) e As Horas (The Hours, 2002).

run_all_night_movie_2015-1280x800

Há em Noite Sem Fim uma crítica à conduta dos policiais nos dias atuais. Após ver o pai matar Danny Maguire, Mike Conlon o expulsa de sua casa e aciona a polícia. Porém, quando estes chegam à humilde residência, em um bairro afastado da grande Nova York, eles não dão ouvidos à explicação do filho do ex-matador, e manipulam a situação para parecer que Mike seja o culpado pela morte do herdeiro da máfia.

Se você gosta de um filme de ação clássico, vale a pena conferir Noite Sem Fim, que além de Neeson e Harris nos papéis principais, conta com nomes como Joel Kinnaman (da série Millennium – Os Homens que não Amavam as Mulheres) como Mike Conlon; e Common vivendo Andrew Price, matador de aluguel contratado por Shawn para acabar com Jimmy e seu filho.

Confira o trailer:

Comentários